5 hábitos comuns que geram glutonaria e como vencê-la [Estudo bíblico]

O pecado da glutonaria é frequentemente ignorado por muitos de nós, cristãos, mas neste estudo bíblico vamos aprender as sérias consequências espirituais que ele traz

glutonaria é pecado na bíblia

Glutonaria é comer em exageradamente, comer além do que o organismo precisa ou além do necessário para saciar nossa fome, ou seja, comer de barriga cheia.

Quantas vezes ao sentirmos o cheiro gostoso de uma comida ou ao vermos algo que parece muito saboroso não desejamos comer de novo?!

Ainda que estejamos de barriga cheia agente diz: “cabe mais um pouquinho” ou “esse aí eu não vou deixar passar”.

Na maioria das vezes consideramos a coisa mais normal do mundo comermos bastante e repetirmos, mesmo sem ter essa necessidade.

Repare abaixo nestes 5 hábitos que descrevem exatamente o que é um glutão.

  1. Comer um prato muito cheio e repetir a refeição;
  2. Ficar esperando que a esposa não aguente comer todo o hambúrguer para então comer o restante;
  3. Comer sobremesa até acabar tudo de uma vez;
  4. Encher o prato de carne sem pensar na próxima refeição;
  5. Ter mania de sempre comer doces depois da refeição.
  6. Dentre muitos outros.

Esses são apenas alguns hábitos comuns e simples que podem nos levar a cometer o pecado da gula como se não estivéssemos cometendo nada de errado.

Glutonaria na Bíblia é pecado e põe até mesmo a salvação em risco

Quando recebemos ao Senhor Jesus em nossa vida, confessando nossos pecados e arrependendo-nos deles, automaticamente somos salvos.

Mas isto não é tudo! Depois disso precisamos trilhar a caminhada da santificação, pois como disse John Wesley: “a salvação tira o crente do mundo, a santificação tira o mundo do crente”.

O pecado da gula na Bíblia faz parte deste processo de santificação e devemos combatê-lo como a qualquer outro pecado, observe:

“Mortificai, pois, os vossos membros que estão sobre a terra: a prostituição, a impureza, o apetite desordenado, a vil concupiscência e a avareza, que é idolatria;” (Colossenses 3:5 ARC)

O pecado da gula na Bíblia é classificado para as pessoas que não tem Jesus em sua vida. Nós o cometíamos quando vivíamos sem Deus no mundo, mas agora não pode ser assim, veja:

“Porque é bastante que, no tempo passado da vida, fizéssemos a vontade dos gentios, andando em dissoluções, concupiscências, borracheiras, glutonarias, bebedices e abomináveis idolatrias;” (1Pedro 4:3 ARC)

Jesus mesmo deu advertências sérias quanto a este pecado dizendo que se nos entregássemos a ele nossa salvação seria perdida e nos recomendou cuidar da nossa própria vida para não cairmos nisso.

“E olhai por vós, para que não aconteça que o vosso coração se carregue de glutonaria, de embriaguez, e dos cuidados da vida, e venha sobre vós de improviso aquele dia.” (Lucas 21:34 ARC)

Na batalha da carne contra o Espírito, em Gálatas 5, Paulo destaca a glutonaria como uma obra da carne e afirma que as pessoas que tem essa prática não entrarão no céu.

“invejas, homicídios, bebedices, glutonarias e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o Reino de Deus.” (Gálatas 5:21 ARC)

Entenda como vencer o pecado da glutonaria

Pode parecer que não, mas o pecado da gula começa no pensamento e nos olhos. Por isso precisamos educar nossa mente a não premeditar tal coisa.

“Ao contrário, revistam-se do Senhor Jesus Cristo e não fiquem premeditando como satisfazer os desejos da carne.” (Romanos 13:14 NVI)

Veja que recomendação maravilhosa! Em vez de ter o pensamento voltado para as satisfações de nossa natureza pecaminosa, precisamos nos revestir do Senhor Jesus, isto é, mudança de hábitos.

Outra coisa muito importante é sempre antes de fazer algo se perguntar: Isto é para glória de Deus?

Talvez você não tenha imaginado dessa forma, mas a maneira que você se alimenta também glorifica da Deus, ou não. Repare bem no que disse o apóstolo Paulo no verso abaixo:

“Assim, quer vocês comam, quer bebam, quer façam qualquer outra coisa, façam tudo para a glória de Deus.” (1 Coríntios 10:31 NVI)

Mas como posso glorificar a Deus comendo?

A Bíblia diz que o Espírito Santo habita em nós e que nosso corpo é seu santuário (ou templo), repare:

“Acaso não sabem que o corpo de vocês é santuário do Espírito Santo que habita em vocês, que lhes foi dado por Deus, e que vocês não são de vocês mesmos?

Vocês foram comprados por alto preço. Portanto, glorifiquem a Deus com o seu próprio corpo.” (1 Coríntios 6:19-20 NVI)

Logo, cuide bem da saúde de seu corpo para que com ele você possa servir a Deus e glorificá-lo.

Hoje em dia nós vivemos pela boca (pois precisamos comer), mas morremos pela boca também. Muitas pessoas estão tendo infarto cedo porque não cuidam de sua alimentação.

Faça exames de sangue para examinar como está sua saúde, gordura, colesterol, triglicerídeos, etc.

E se houver algo de errado consulte uma nutricionista para saber qual a melhor alimentação para você.

Fazendo dessa forma você estará cuidando de sua saúde para viver mais e melhor e estará glorificando a Deus entregando sua vida ao seu serviço.

Recomendado: 3 Maneiras de ocupar a mente com as coisas de Deus

Gostou deste estudo bíblico sobre glutonaria? Deixe seu comentário abaixo contando algum testemunho ou dando mais uma dica para quem precisa vencer este vício pecaminoso.

 

Quer entender a Bíblia melhor, mas não sabe como? Aprenda com 13 dicas práticas!

Gabriel Filgueiras

Cristão desde novembro de 2006 e Professor da Escola Bíblia Dominical desde julho de 2008, faço parte da Terceira Igreja Batista de Rio das Ostras, RJ. Minha missão é fazer que as pessoas cresçam passando a elas o que já aprendi e mostrar que todo cristão precisa entender bem a Bíblia Sagrada (2 Timóteo 2: 15).

Website: http://bibliaseensina.com.br

Deixe seu comentário