Como perdoar? Veja exemplos incondicionais de perdão na Bíblia

Pessoas curadas curam e pessoas perdoadas perdoam!

como perdoar exemplos de perdão na bíblia

Aprenda neste estudo bíblico como perdoar e ser curado de todo mal a partir de exemplos da Bíblia Sagrada.

“Como perdoar meus malfeitores se eles não merecem meu perdão? Na verdade o que eles merecem é a morte pelo mal que me fizeram!”

Infelizmente tal afirmação que você acabou de ler tem ficado cada vez mais comum em nossos dias, e muitas pessoas consideram que não há como perdoar certos erros dos outros.

Você já fez a afirmação acima, ou conhece alguém que tenha feito? Talvez você só tenha chegado neste estudo porque precisa de ajuda para saber como perdoar alguém, não é mesmo?!

E se você reconhece que precisa de ajuda para saber como perdoar uma pessoa, então é porque reconhece que a falta de perdão causa males mais a você mesmo do que àquele que precisa ser perdoado.

Eu já comentei aqui no blog em outro estudo que o perdão é a chave que dá continuidade à vida.

Se não fosse assim já teríamos perecido há muito tempo, pois Deus nos concedeu seu perdão por meio do Senhor Jesus.

Mas infelizmente hoje em dia as pessoas tem abrido seu coração para a ira, indignação e cólera, sem pensar que vai chegar o dia em que precisarão ser perdoados também.

Mas pergunte-se uma coisa:

Você merecia o perdão de Deus quando foi perdoado de suas ofensas contra Ele?

Você ao menos já confessou seus pecados a Deus para ser perdoado? Se isto ainda não aconteceu, é bem provável que você seja incapaz de perdoar uma pessoa também.

Reflita nisso com todo cuidado, examine a si mesmo, e tenha ciência de que você só saberá como perdoar seus malfeitores quando você mesmo for perdoado por Deus de seus pecados e ofensas contra Ele.

Independente de sua resposta, quero trazer mais abaixo algumas lições, exemplos e realidades para aqueles que tem se perguntado ou buscado capacidade para como perdoar seus malfeitores. Continue lendo.

Tem gente que não está disposto a perdoar porque também não está disposto a reviver a dor

reviver a dor para aprender como perdoarReviver uma dor causada por alguém no passado trás a dor à tona novamente, mas é extremamente necessário para liberar perdão e ser curado de todos os males que ficam alojados no coração.

Há pessoas que querem te ajudar a ser curado, mas para isso é necessário que você queira ser ajudado também.

Há pessoas que pensam que a maneira correta de como perdoar uma ofensa é afogá-la no mar do esquecimento do coração, mas na verdade isso só trás lixos para dentro dele.

E você já viu o que acontece com um lixo quando ele fica muito tempo em um lugar parado? Acho que não precisa eu dizer, não é verdade?!

Quando você decide não perdoar está pecando também e trazendo diversos outros sentimentos, decisões e atitudes ruins para habitar em seu coração e assim, com estes itens, será formado seu caráter.

Confie em alguém que esteja disposto a te ajudar, e assim jogue para fora todo o lixo que ficou acumulado em seu coração.

Portanto, confessem os seus pecados uns aos outros e orem uns pelos outros para serem curados.

A oração de um justo é poderosa e eficaz. (Tiago 5:16 NVI)

Toda dor causada em nós gera julgamento, e existe uma regra para o julgamento que fazemos dos outros

Quando somos feridos por alguém, geralmente fazemos diversos julgamentos a respeito dessa pessoa.

Até achamos que estamos com razão fazendo tais julgamentos e comentários negativos, que por si só, já condenam a pessoa.

Mas não é isso que a Bíblia nos recomenda que façamos.

Em vez de endurecermos nosso coração e insistirmos, ao longo do tempo, em julgar e condenar tal pessoa, falando mal dela com várias palavras, pensamentos e atitudes, devemos perdoá-la, assim como Deus também nos perdoou as nossas ofensas contra Ele.

“Livrem-se de toda amargura, indignação e ira, gritaria e calúnia, bem como de toda maldade.

Sejam bondosos e compassivos uns para com os outros, perdoando-se mutuamente, assim como Deus os perdoou em Cristo.” (Efésios 4:31-32 NVI)

Infelizmente muitas pessoas hoje em dia, e até crentes, ficam se fazendo de coitados e não param de julgar seus ofensores.

Mas Jesus ensinou que todo julgamento que fazemos dos outros volta para nós, e isto é algo realmente terrível!

“Pois da mesma forma que julgarem, vocês serão julgados; e a medida que usarem, também será usada para medir vocês.” (Mateus 7:2 NVI)

Quando fazemos julgamento tomamos muitas decisões ruins que trazem diversos lixos ao coração, e cometemos muitos outros pecados, sem nem perceber.

Enquanto apontar para o outro dizendo que ele está errado e eu certo, negando-lhe meu perdão, serei orgulhoso e permitirei que as feridas ruins que me foram causadas dominem meu coração.

O resultado disso é ter uma vida infeliz, cheia de tristezas e ressentimentos.

A pessoa que me ofendeu não tem condições de pagar o preço pela ferida que me causou

Mas a realidade é que Jesus já pagou o preço por nossos pecados (inclusive os do teu ofensor) e assim Deus demonstrou seu amor por nós, mesmo quando não demonstrávamos arrependimento de nossos pecados contra Ele.

Porém, Deus comprova seu amor para conosco pelo fato de ter Cristo morrido em nosso benefício quando ainda andávamos no pecado. (Romanos 5:8 KJA)

Eis a maneira como perdoar nossos malfeitores: reconhecendo que Jesus pagou o preço por seus pecados e liberando-o dessa dívida, pois ele não tem condições de pagá-la.

José quando tornou-se governador do Egito poderia ter recriminado seus irmãos e até mandar matá-los, por exemplo.

Esta seria uma atitude comum de uma pessoa que não tem Deus no coração e alimenta o desejo de vingança e justiça humana.

Mas antes, por ter Deus no coração, José perdoou o mal que lhe fizeram.

Agora, não se aflijam nem se recriminem por terem me vendido para cá, pois foi para salvar vidas que Deus me enviou adiante de vocês. (Gênesis 45:5 NVI)

Foi exatamente por decidir não guardar mágoa no coração e raiva contra seus irmãos, nem julgamentos, que o mesmo Deus tornou o mal que lhe fizeram em bem, e assim José pôde prosperar em terra alheia.

Uma certa moça que foi tomada de Israel e feita escrava, não desejou mal a Naamã, seu senhor, quando o viu com lepra, mesmo sendo ele um dos responsáveis por tirarem-na de sua terra.

Antes, a menina informou a Naamã como ele poderia ser curado da lepra, desejou bem a ele.

No lugar da menina muitos teriam dito: “Bem feito! É Deus te castigando!”. Concorda?

Certamente, mesmo sofrendo males, essa moça tinha Deus no coração e não deixou que lixos entrassem nele mesmo sendo injustiçada.

O maior exemplo de perdão na Bíblia foi dado por Jesus a seus malfeitores

Em Lucas 23:33-37 encontraremos Jesus crucificado, humilhado, sendo desafiado, ultrajado e zombado por seus malfeitores.

Mesmo sofrendo todos aqueles males, Jesus rejeitou toda praga que foi lançada contra si, não permitindo que nenhum ressentimento o contaminasse a fim de que despertasse nele um desejo perverso contra seus malfeitores.

entenda como liberar perdão segundo a bíblia sagrada

Jesus tinha sua confiança em Deus e sabia que a justiça vem dele, por isso rejeitou cultivar qualquer tipo de amargura dentro de si (Lc 23:34) e orou rogando perdão de Deus para eles.

Ora, se o próprio Deus levou sobre si, na pessoa de Jesus, os pecados de todos nossos malfeitores, a fim de perdoá-los, quem somos nós para negar-lhes nosso perdão?

Não carecemos nós também do perdão de Deus, o qual nos foi dado pela cruz de Cristo?

O segredo para ter essa capacidade de como perdoar é estar cheio do Espírito Santo, cheio de Deus continuamente no coração.

Estêvão, por exemplo, já era cheio do Espírito Santo bem antes de perdoar e pedir o perdão de Deus para seus malfeitores, que o mataram apedrejando-o (Atos 6: 8).

Os apóstolos Pedro e João não receberam as ofensas de seus malfeitores como tal (Atos 5:4), antes, alegraram-se de terem sido chicoteados por causa do nome de Jesus.

Eles sabiam que estavam sofrendo porque estavam verdadeiramente cumprindo a missão a qual Deus lhes confiara, e estavam cheios do Espírito Santo no coração.

Não receba para dentro do coração a ofensa que lançaram contra você, não guarde lixo nele.

Acima de tudo, guarde o seu coração, pois dele depende toda a sua vida. (Provérbios 4:23 NVI)

Encha-se de Deus no coração continuamente, aprenda cada vez mais de Jesus, siga seu exemplo, e assim saberá verdadeiramente como perdoar seus malfeitores.

“Tomem sobre vocês o meu jugo e aprendam de mim, pois sou manso e humilde de coração, e vocês encontrarão descanso para as suas almas.” (Mateus 11:29 NVI)

Se achou este estudo útil compartilhe com seus irmãos em Cristo. Espero ter ajudado a vencer mais uma luta.

Aprenda a desenvolver o hábito de estudar a Bíblia. Desfrute de uma verdadeira transformação em sua vida!

Gabriel Filgueiras

Meu objetivo é ajudar novos cristãos a amadurecerem no entendimento da Bíblia Sagrada, e os obreiros de Deus a capacitarem-se melhor para o ministério cristão.
Sou casado com a Lidiane Filgueiras e somos membros da 3ª Igreja Batista de Rio das Ostras, RJ, pr. Jorge Cônsoli Lima e Débora.
Sirvo ao Reino do Senhor Jesus como professor da Escola Bíblica Dominical desde Julho de 2008 e estou me dedicando a ajudar cristãos comprometidos através deste blog compartilhando estudos bíblicos, materiais e cursos cristãos para capacitação do ministério e edificação do corpo de Cristo.

Website: http://wp.me/P7fxRD-dd

1 Comentário

  1. Pingback: 5 Coisas que você pode fazer para agradar a Deus [a 2ª é indispensável]

Deixe seu comentário